Eh lá…!

Comentários da Actualidade

 

 

Tintin-mainCas+Alfat 

Olho de Deus http://www.amen-etm.org/ExercitoTerrestredeMaria_ficheiros/image007.jpg

 

BÊNÇÃO ESPECIAL  

 

Editorial do dia 8 de Março de 2015  

 

 

 

Nesta Página da Amen, pode encontrar alguns comentários sobre os acontecimentos da actualidade mais marcantes

e sobre os quais não quero deixar de me pronunciar. Ver Nota do Autor.

 

ÍNDICE

 Outubro de 2019 

Dia 10 de Outubro de 2019 - A pouca vergonha e a falta de caridade de uma gaga

Dia 5 de Outubro de 2019 - Aniversário da Fundação da Nacionalidade em 1143

 Setembro de 2019 

26 de Setembro de 2019 - Nunca ouvi falar da devolução das armas roubadas em Tancos! Eu heim…!

17 de Setembro de 2019 - Não se come mais carne de vaca, porque aumenta muito as emissões de CO2  

 Agosto de 2019 

8 de Agosto de 2019 - As greves selvagens dos camionistas e no sector da saúde são verdadeiros actos de TERRORISMO!  

___________________________________________________________

 

Ano de 2019

Outubro de 2019

Dia 10 de Outubro de 2019 - A pouca vergonha e a falta de caridade de uma gaga

 A gaguez como arma política 

Eh lá…! Violentar as pessoas com a sua doença, ultrapassa todos os limites!

Quero comentar, escandalizado, o caso da semana e que virou falatório da nação.

Temos de ter consciência das nossas limitações e de agir de acordo com elas. A isto se chama humildade!

Não ter consciência das nossas limitações, e ainda pior, agir propositadamente contra o senso comum, é sinal de estupidez, pouca vergonha, falta de caridade, falta de decência e de sensibilidade, e essa atitude sim, é uma verdadeira anormalidade! A isto se chama orgulho!

Passei por uma série de estados de alma. Num primeiro instante fiquei transtornado por pensar na aflição que ela deve ter sentido. Depois parti-me a rir. Depois fiquei envergonhado com a minha falta de caridade. Depois, percebi que não tinha razão para me culpar, pois ela era é uma desavergonhada, amoral e sem escrúpulos.

Uma gaga querer ser oradora é o mesmo que um perneta querer fazer salto em altura ou correr os 400 metros barreiras. Se o quiser mesmo muito, que o faça em privado e não venha a público!

Tem que se comparar o facto de uma mulherzinha gaga ser a líder e porta voz de um partido político, com o facto de um leproso andar a se esfregar em público com as pessoas com que se cruza, ou de um doente de furunculose andar a atirar o pus dos seus furúnculos à cara das pessoas na rua, ou um doente de sida andar a cuspir na sopa das pessoas num restaurante.

Todas estas terríveis enfermidade que acabo de apontar, devem merecer o nosso carinho, preocupação, apoio e oração pela sua cura. Mas daí a permitir que elas ofendam sensorialmente e atirem para cima das pessoas os seus males, é coisa completamente diferente. É mesmo criminoso. Quando feito conscientemente, é doloso e merecedor de procedimento criminal, tal como já foi considerado crime o facto de quem tem sida, se prostituir com o objectivo de propagar a doença e de fazer mal a terceiros.

Da mesma maneira da homossexualidade, que é um pecado grave aos olhos de Deus, quando cometido em segredo e longe dos olhos do mundo, ser uma coisa que só prejudica o próprio, fazer alarde desse pecado, publicitá-lo publicamente e encorajar crianças a praticá-lo, é de uma extrema gravidade e dá direito a prisão, pois mesmo à luz da legislação desta sociedade depravada em que vivemos, a pedofilia é considerada crime e punível pela lei. Da mesma maneira deve ser considerado crime o vir a público publicitar, com intenção dolosa e de obtenção de vantagem própria e promoção, a sua doença de gaguez. Isto é “gaguez pride, tão vergonhoso e condenável, como o é o “gay pride.

Repito, temos de ter consciência das nossas limitações. Não fazê-lo é sinal de estupidez, um orgulho desmedido, falta de vergonha na cara, falta de caridade e, essa sim, é uma verdadeira anormalidade e maldade sem limites!

Esta atitude, esta postura e este despudor, são a exaltação do doentio, do feio, do ridículo, é uma vontade expressa de denegrir e contrariar a beleza da Criação Divina. É, em suma e verdadeiramente, uma atitude macabra.

Uma doença, quando aceite e associada à Paixão de Jesus Cristo, é Redentora. Mas quando essa doença é usada para uso próprio, para ofender os sentimentos de terceiros, para escandalizar, provocar e desencadear polémicas e obter vantagem política, seja de que grupo for, então é profundamente condenável. Foi isto que esta mulherzinha despudorada fez!

Assim sendo, uma gaga não pode aspirar nem exigir ser locutora, e um partido, ou qualquer outra instituição, não pode ter um porta-voz que seja gago! Provoca o riso, a comoção, a repulsa e o desprezo, por desrespeito ao grupo e, finalmente, não é capaz de fazer passar a mensagem que quer transmitir.

Foi a isto que assistimos, horrorizados, esta semana, na televisão e em todas as redes sociais: uma mulherzinha guineense, completamente gaga e com uma bandeira guineense como pano de fundo, numa campanha eleitoral portuguesa, a decorrer em Portugal.

Isto só pode ser considerado uma provocação e uma ofensa extensiva a toda a nação, uma falta de vergonha na cara e uma ofensa pública ao pudor, cometida de forma consciente, com dolo e falta de patriotismo. Ela e o menino da bandeira deviam ser de imediato despachadas para a Guiné-Bissau.

Chocou-me profundamente, e revoltou-me, ver uma doença tão aflitiva, ser usada sem quaisquer escrúpulos, como bandeira de campanha política. Tão culpados como ela, são os que a apoiam, que se mantiveram impassíveis diante do sofrimento que ela dever ter sentido. Isto só deve ter sido possível, por terem tomado doses cavalares de comprimidos que provocam a paralisia facial E ainda por cima o partido dela não traz nada de novo à cena política… Se ela quisesse, com sinceridade e coração puro, defender certos princípios, pois que se juntasse aos partidos que já os defendem!

E quer esta mulherzinha ser deputada! Ela só vai atrasar os trabalhos da Assembleia e, ser na prática, um verdadeiro boicote ao funcionamento Parlamentar! O que ela quer mesmo é transformar a Assembleia da República num verdadeiro circo mediático e numa palhaçada completa, numa autêntica câmara de horrores.

O mínimo que ela pode fazer é arranjar um porta-voz, tal como Deus mandou a Moisés levar Aarão seu irmão, pois Moisés tinha dificuldade em falar. (Êxodo 4,10-15)

De alguma maneira ela tem de ser impedida de tomar posse! Isto não é um manifesto contra o partido dela, mas sim uma proposta e motivação que deve interessar a todos os portugueses. Já basta de tanta pouca vergonha na política!

E por falar nisso, há uma Petição Pública, que pode assinar, para que ela não tome posse, em:

https://peticaopublica.com/pview.aspx?pi=PT94669

        Quem sabe se com o susto ela não deixa de gaguejar…! Estarei a rezar por isso! Estarei também a rezar pela sua conversão de vida!

João Bianchi

    sD

 

___________________________________________________________

 

Dia 5 de Outubro de 2019 - Aniversário da Fundação da Nacionalidade em 1143

 Aniversário da Fundação da Nacionalidade em 1143 

Eh lá…! Celebrar a implantação da República? De maneira nenhuma!

O que devemos celebrar hoje, 5 de Outubro de 2019, e com grande alegria, é o 876° Aniversário da Fundação da Nacionalidade, com a assinatura por Dom Afonso Henriques do Tratado de Zamora em 1143, depois de ter corrido com os muçulmanos, que eram e são o flagelo da Cristandade, do território nacional.

Os relespublicanos também celebram a implantação da Relespública, em 1910, que a maçonaria conseguiu finalmente concretizar, depois de assassinar o nosso Rei Dom Carlos. 

Consolidaram essa catástrofe nacional, com o infame assassinato do nosso saudoso Presidente Sidónio Pais em 1918, com 2 tiros à queima-roupa, na estação do Rossio. O Presidente Sidónio Pais, que era o grande obreiro da reconciliação com a Igreja Católica, foi uma ténue luz que brilhou nas trevas da infame relespública portuguesa. Só muito mais tarde em 1940, com Salazar, foi assinada a Concordata com a Igreja Católica, entre Portugal e o Vaticano, no papado de Pio XII.

Este crime hediondo foi perpetrado pelo criminoso maçon José Júlio da Costa, que fugiu impune para Timor.

Mas como também hoje é o dia de Santa Faustina Kovalska, a Santa da Divina Misericórdia, peçamos a sua intercessão para que Deus tenha Piedade deste povo que ainda vota, na ignorância, nos partidos maçónicos e de esquerda!

Para combater as forças infernais da maçonaria, no âmbito político e do regime democrático em que se vive, há uma arma fulcral - o Voto em Branco!

Santa Faustina Kovalska,

Rogai por nós!

João Bianchi

    sD

 

___________________________________________________________

 

 Setembro de 2019

26 de Setembro de 2019 - Nunca ouvi falar da devolução das armas roubadas em Tancos! Eu heim…!

 Nunca ouvi falar da devolução das armas roubadas em Tancos! Eu heim…! 

Mais um socialista a mentir descaradamente, apanhado com a boca no trombone.

Eh lá…! Então não é que um senhor ministro da defesa, que tem acesso a toda a informação possível e imaginária, e jurava a pé juntos que não tinha conhecimento da jogada, que se construía nos bastidores, para a devolução das armas que tinham sido roubadas em Tancos, foi apanhado com a boca no trombone e constituído arguido. Oh Azarado…

Afinal, com o decorrer da investigação, a PJ e a PGR foram esmiuçando aos pouquinhos o caso, trabalhando 24 sobre 24 horas, como é seu hábito e apanágio, honrando Portugal e a fama que tem de ter das melhores polícias do mundo, e acabaram por descobrir a careca àqueles cuja profissão é mentirem descaradamente ao povo e à Nação - os políticos de carreira, muito especialmente os que andam de aventalinho nas lojas e aderem aos partidos políticos para fazerem carreira e fortuna.

Bem feitas as contas, foi bom que se tenha descoberto os ladrões. Foi bom que as armas tenham sido devolvidas. Até acho que todo o processo de devolução devia ter sido feito a coberto do segredo de estado, para defender a honra do Exército.

O que é muito feio, é um ministro vir a público mentir ao povo, dizendo que não tinha conhecimento de nada! Para além da mentira, que é sempre hedionda, revela incompetência na salvaguarda dos segredos de estado, que por vezes tem de existir em certos assuntos importantes.

O facto de tentar defender o Exército é louvável. O que é deplorável é mentir descaradamente, repetidamente e ter sido apanhado.

Este é mais um dos casos característicos do modus operandi dos políticos maçons e socialistas que governam o nosso país. Despudoradamente mentem sem limites.

Estes políticos maçons socialistas são tudo farinha do mesmo saco e andaram todos na mesma escola Voltairiana.

Voltaire, a antipática e sinistra figura da revolução francesa, mestre maçon da manipulação populista, sabendo do que falava, defendia o que se pode ler na obra macabra

“Voltaire - Oeuvres complètes - II”. página 153:

 «A mentira é um erro quando é culpa de um mal, dizia Voltaire ao combater a Igreja, mas quando causa “algum bem” é uma virtude. Deve-se portanto mentir como o diabo, não com precauções, mas destemidamente, não uma vez só, mas sempre. Menti, amigos, menti.»

«… as lojas se serviam daquela arma que o “irmão” Voltaire preconizara como a mais eficaz entre todas - a mentira sistematicamente divulgada e insistentemente repetida.» ( …) Foi espalhando mentiras que as sociedades secretas conseguiram sempre os seus êxitos. Chegaram a fazer da aplicação desse preceito voltairiano uma ciência, narrando os factos de maneira oposta ao que na realidade se passava. Aplica-se aqui o adágio inglês, segundo o qual “nada morre com tanta dificuldade como a mentira».

 “Mintam, mintam, mintam, mintam, mintam até a mentira se tornar verdade!”

Podemos concluir, pois, e mais uma vez, que o princípio básico que sempre norteou a maçonaria, e os actuais governos maçónicos e socialistas, desde a sua fundação, foi sempre e será o do seu fundador e pai espiritual - o diabo - satanás, o pai da mentira.

É bom e salutar que estes escândalos sejam descobertos, e as carecas dos mentirosos sejam expostas, em vésperas de eleições, para que os eleitores vejam bem quem anda a pedir uma maioria absoluta! Devia haver mais Polígrafos, como os da SIC… É só Podridão!

Desculpe lá oh senhor ministro, mas ficou  muito mal na fotografia e perdeu toda a pose e credibilidade que queria fazer passar.

Também meteu o seu partido socialista a jeito para perder as eleições.

O mal duns é sempre o bem dos outros… Isto é que vai uma crise, heim…!

João Bianchi

    sD

___________________________________________________________

 

  17 de Setembro de 2019 - Não se come mais carne de vaca, porque aumenta muito as emissões de CO2

 Matem-se todas as vacas porque produzem CO2 

Eh lá…! Então não é que um reitor abestalhado resolveu proibir os estudantes de comer carne de vaca na sua cantina, com a desculpa de que as vacas produzem muito CO2!

Uma das grandes preocupações da humanidade consciente, nos dias que decorrem, é o aquecimento global provocado pelo aumento das emissões do CO2 para a atmosfera.

Esta preocupação é justificada, inteligente e encontra eco na lei natural do homem e das Sagradas Escrituras. Existe de facto demasiadas emissões de CO2 para a atmosfera e demasiada poluição do planeta, pela falta de reciclagem de produtos nocivos, provenientes da nossa vida quotidiana.

A mim, também me preocupa a existência de demasiadas bestas à solta e o excesso de emissões online de alarvidades cientifistas na vida nacional.

Questiona-se o meu espírito sobre as razões que levaram esta besta a tomar semelhante atitude…

■ Será porque tem quota nos lucros do mercado de produção de carne de peru, de galinha ou de porco? Abaixo as vacas!

■ Será porque depois de comer carne de vaca, fica com azia e liberta muitos gases desagradáveis, confundindo-os com CO2? Abaixo as vacas!

■ Será porque não gosta das vacas, por terem cornos, e lhe trazerem más memórias? Abaixo as vacas!

■ Será porque tem um ódio visceral às vacas com que se relacionou, desenvolvendo assim uma vacofobia? Mas na qualidade de fobia, e à luz de um politicamente correcto, não deverá isto ser considerado um crime?

■ Será mera ignorância? Ou será mera estupidez congénita?

■ Então agora é de opinião que se devem matar todas as vacas, porque elas produzem muito CO2? Já pensou que se matar todas as vacas, ficamos sem leite? A sua sorte é não viver na Índia… Olhe se a Assembleia resolvia seguir o seu raciocínio, e decidia acabar com todas as bestas…!

Em qualquer  dos casos, este cavalheiro devia ser liminarmente destituído do seu cargo, porque bestas deste calibre não deviam estar em contacto com a nossa juventude, da mesma maneira que são proibidos aos pedófilos de terem contactos com crianças! É uma muito má influência!

Valha-nos Deus! Ao ponto a que chega a estúpidoecologia! Só pode mesmo ser obra do demo! Isto só é mesmo permitido numa demoniocracia! Valha-nos Deus!

Post Scriptum - Uso aqui o termo besta, não no sentido pejorativo, mas tão só no sentido de um coitado bruto, com pouca educação e pouca cultura. Assim, devemos ter pena das bestas e tentar ajudá-las!

João Bianchi

    sD

___________________________________________________________

 

 Agosto de 2019

8 de Agosto de 2019 - As greves selvagens dos camionistas e no sector da saúde são verdadeiros actos de TERRORISMO!

 AS GREVES SELVAGENS SÃO ACTOS DE TERRORISMO 

Retirado da  Lei MEFT 14 - Greves, Manifestações e Sindicatos. de 24 de Julho de 2017 e actualizado em 8 de Agosto de 2019

Preâmbulo

Uma das causas, actualmente existente, da desestabilização social, é o mau uso do direito à greve, que são normalmente, e por estarem submetidas às regras maçónicas, são na realidade greves selvagens e que prejudicam e lesam a população em geral.

O direito à greve por parte dos trabalhadores é um direito adquirido, desde longa data, e visou na sua génese, a justa defesa dos trabalhadores, da exploração por parte dos patrões gananciosos, nos primórdios da era industrial. Quando eram por demais explorados e as condições de trabalho desumanas, faziam greve, ou seja, não trabalhavam, para desse modo chamarem a atenção dos patrões, prejudicando exclusivamente a produção ou prestação pontual de serviços, pressionando  o patronato através do prejuízo daí decorrente. Os únicos atingidos pela greve eram os patrões.

Estas antigas greves, justas nas suas causas e adequadas nos seus meios, nada têm a ver com as actuais greves a que assistimos hoje em dia, decretadas pelos sindicatos, altamente politizados e ligados aos partidos maçónicos e/ou comunistas radicais de esquerda.

As antigas greves eram justas e perfeitamente justificadas.

As actuais greves são abusivas e selvagens, completamente desvirtuadas, injustificadas e adulteradas nos meios que usam, devido aos danos e sofrimento que infligem nos que sofrem as suas consequências.

O caso mais gritante destas greves selvagens é o das greves no sector da saúde, em que só as pessoas mais desprotegidas e doentes sofrem as consequências da greve, ficando os responsáveis pelas injustiças no sector a se rirem e a rebolarem nos seus gabinetes, sem nada serem afectadas.

Outro caso gritante é o das greves dos camionistas desencadeadas já no ano de 2019 em que o país quase ficou paralisado. Isto já não é uma greve, mas sim verdadeiro terrorismo social e chantagem institucional. A greve dos camionistas de matérias perigosas, tal como outras que afectem a sociedade em geral, devem ser consideradas verdadeiros actos terroristas e tratadas como tal, com destituição vitalícia dos cargos ocupados pelo responsáveis, que deverão ser submetidos de imediato a penas de prisão efectiva em processos sumários. Não há direito que um punhado de desordeiros sirvam os interesses de políticas anarquistas e desestabilizadoras e prejudiquem toda uma Nação! Isto brada aos Céus, pois prejudica toda uma população subjugada injustamente a interesses particulares e de classes arruaceiras. Infelizmente, isto serve os interesses da agenda maçónica de criar um ambiente de insatisfação, de instabilidade e de caos, preparando o terreno para a manifestação do anticristo. É por servir esta agenda maçónica, que vemos os actuais governantes, como que acobardados, inoperacionais e ineficazes para combater esta nova forma de terrorismo social com o recurso a greves selvagens e desmedidas.

Um dirigente do sindicato dos camionistas, um advogado mercenário contratado, que nunca foi sequer camionista, líder de uma acção terrorista a nível nacional, candidatar-se a deputado por um partido minoritário, já diz tudo sobre o que está em jogo com estas greves selvagens e desmedidas, e que mergulham o país num clima de caos, e de descalabro económico e social. Isto revela bem o regime demo-crático em que vivemos.

As actuais greves já não prejudicam os patrões, que muitas vezes é o estado, mas sim, e em larga escala, os clientes dos patrões, inocentes espectadores e utentes alheios aos conflitos laborais. Por isso, estas actuais greves não passam de greves selvagens e autêntico terrorismo sindical, sempre ligadas a partidos de esquerda socialista ou comunista, cujo grande e maior objectivo é desestabilizar a vida laboral, sindical e social. Os delegados e representantes sindicais funcionam também, na maior parte das vezes como parasitas do sistema económico, pois nada produzem, e limitam-se a explorar e a viver às custas dos trabalhadores, através das quotas lhes cobram pela sua inscrição no sindicato.

Esta maltosa devia ser toda mandada para campos de trabalho forçado, para aprenderem qual é o verdadeiro sentido do trabalho, a respeitar os trabalhadores e o povo, os quais brutalizam e pelos quais não têm qualquer tipo de respeito ou consideração.

Estes dirigentes sindicais que manipulam os seus associados, não passam de parasitas e da escória da sociedade e são os paus mandados da maçonaria e dos partidos da esquerda radical.

A liberdade e os direitos de cada um terminam, quando atingem as liberdades e os direitos dos seus irmãos!

Portugal não precisa desta escumalha à solta, a fazer mal às pessoas e às instituições! Se eles brutalizam o povo, não podem ser tratados com palmadinhas nas costas. Aqui, é perfeitamente justificado o uso da força para parar as suas acções terroristas. Prisão com eles!

Aproveito para indicar um muito bom Artigo do Coronel Carlos Matos Gomes sobre estes grevistas/terroristas.

João Bianchi

    sD

___________________________________________________________

 

 

Nota do Autor:

 Todos os textos publicados nesta página são da autoria e da responsabilidade de João Bianchi, que exerce assim o seu Direito Constitucional de emitir a sua opinião!

Nesta página escuso-me de usar da Virtude da Caridade, limitando-me a usar da Justiça e da Clarividência, para com aqueles que são inimigos da humanidade. Encontrem eles perdão diante de Deus, caso se arrependam das suas iniquidades. Por eles rezo e intercedo pela sua conversão!

Peço, desde, já desculpas pelas minhas palavras, se vier a ferir a susceptibilidade de algum energúmeno!

A todos os que assistem escandalizados ao avanço da iniquidade, que Graças a Deus já o tem o seu fim à vista, o meu - Bem hajam!

João Bianchi

    sD

www.amen-etm.org/Ela.htm  

http://www.amen-etm.org/ExercitoTerrestredeMaria_ficheiros/image007.jpg